A renúncia ao diálogo

Para os servidores de Araucária, Olizandro renunciou há muito tempo. A última aparição em mesa de negociação ocorreu na greve de 2013. Há três anos, secretários e assessores se revezam para dar respostas negativas e evasivas às demandas