deflagração de greve
deflagração de greve
Assembleia de deflagração de greve sanitária foi realizada de forma virtual neste sábado (31)

Na manhã deste sábado (31), os professores e professoras da rede municipal de Araucária marcaram presença na assembleia com o SISMMAR e, com aprovação massiva, será deflagrada uma greve sanitária em defesa da vida a partir de segunda-feira (02). Nesse modelo de greve, os trabalhadores da Educação seguem trabalhando de forma remota.

Portanto, a orientação do SISMMAR é para que os trabalhadores que atendem os 8º e 9º anos, que foram os primeiros convocados pela Secretaria Municipal de Educação (Smed) e Prefeitura para o corredor da morte, não atendam a convocação do desgoverno, permaneçam atendendo os alunos e trabalhando de forma remota.

A partir deste domingo (01), um caminhão de som estará rodando pelo município e atos serão realizados para denunciar esse retorno irresponsável que coloca a vida de toda a comunidade escolar e da população em risco.

O sindicato também orienta que os trabalhadores e trabalhadoras dialoguem com os estudantes e as famílias sobre os riscos do retorno presencial sem imunização completa e sem condições sanitárias. É muito importante o apoio da comunidade escolar nesse momento.

Participe do comando de greve e ajude a distribuir os panfletos da nossa campanha pelo retorno seguro nas unidades que serão reabertas!

Greve é direito

A nossa greve sanitária é legal e possui amparo jurídico. Portanto, nenhum professor ou professora precisa ter medo de aderir à nossa luta pelo retorno presencial seguro e em defesa da vida. Também queremos voltar para as escolas, mas exigimos que o retorno seja seguro, após a imunização completa e com todas condições sanitárias!

Os professores que se sentirem constrangidos, ameaçados ou estiverem com dúvidas em relação à greve podem entrar em contato com o SISMMAR pelo (41) 99933-0822 ou através do e-mail sismmar@gmail.com.

A união do magistério tem força! Agora a greve é pela vida!

Aula segura é aula em casa!