sindicato

sindicatoEm meio à pandemia, é comum que servidores fiquem em dúvida sobre o papel do sindicato. O SISMMAR, enquanto entidade sindical dirigida por trabalhadores e para os trabalhadores do magistério, esclarece que atua na defesa dos direitos da categoria e nunca contra o servidor.

As dúvidas mais recorrentes têm sido em relação à abertura das unidades para a entrega de atividades. Nesse sentido, o sindicato esclarece que não é responsável por denunciar servidores envolvidos nas atividades, mas sim por cobrar a Secretaria Municipal de Educação (SMED) para que garanta as condições de trabalho e cumpra as determinações que ela própria publicou no dia 25 de junho.

A entrega e devolução das atividades pedagógicas devem ser realizadas conforme a Instrução Normativa nº 08/2020 da Secretaria. Isso significa que até o dia 23 de julho nenhum professor poderá ser convocado para o trabalho presencial nas unidades. Após essa data, a entrega das atividades deve ser feita no mesmo dia que a entrega dos kits de alimentação escolar.

A disposição de luta da categoria e a atuação do SISMMAR, pautada naquilo que foi debatido de forma coletiva com os trabalhadores da Educação, foram essenciais para garantir o fechamento das unidades educacionais do município durante a pandemia.

Essa é uma das medidas para evitar o contágio por coronavírus, já que Araucária está com a curva ascendente e os números de contaminados e de óbitos não para de aumentar. Dessa forma, o sindicato reitera que cabe à Secretaria Municipal de Educação cumprir e garantir que as determinações da Instrução sejam cumpridas.

O SISMMAR segue em defesa da vida e dos direitos dos servidores do magistério municipal de Araucária!