O prefeito Olizandro viajou e não abriu negociações com os servidores. Estava marcada a primeira reunião de negociação da pauta prioritária para as 16 horas desta terça-feira, dia 15.

Depois de uma hora e meia de espera, apareceu o chefe de Governo Ronaldo Martins para informar que não haveria negociação.

Ele informou que o prefeito viajou de férias. Simplesmente virou as costas para o funcionalismo.

Martins entregou um ofício em que a administração municipal oficializa que não tem proposta para o reajuste salarial. Nem para a correção do vale-alimentação. Nem para as promoções e progressões. Ou seja, não tem proposta, nem negociação.

Diante deste desdém, é de fundamental importância a presença de todos na assembleia marcada para as 17h30 desta quarta-feira, dia 16, no salão da Igreja Matriz Nossa Sra. dos Remédios, Centro de Araucária.

Vamos precisar de todo mundo num movimento forte para conseguir negociações e propostas de fato.