Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Araucária.

Search
Close this search box.

erros no pagamento dos servidores

Os problemas gerados pelos erros no pagamento dos servidores não acabam. E uma das questões está relacionada a declaração de imposto de renda. A Prefeitura não lançou as contribuições previdenciárias no Informe de Rendimentos de alguns servidores do município e isso tem complicado a vida dos trabalhadores que estão fazendo a declaração.

De acordo com a secretaria de Governo, a gestão identificou os informes com problemas e está entrando em contato com os servidores correspondentes até o final do dia de hoje (27). Por isso, fique atento!

Agora, a malha fina é automática! Se foi verificado erro no seu imposto de renda, faça a retificação e reenvie para a Receita Federal.

Para verificar se existe algum erro na sua declaração, existe o Portal do e-CAC (cav.receita.fazenda.gov.br). Os contadores têm acesso ao Portal e podem fazer essa verificação. Para quem faz a declaração sozinho, é possível fazer um cadastro no site e ver se existe erro na sua declaração.

Todos aqueles que em 2018 receberam rendimentos superiores a R$ 28.559,70 ou rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados na fonte maiores que R$ 40 mil devem fazer a declaração de imposto de renda. O prazo vai até o dia 30 de abril.

Para quem tem que pagar o Imposto de Renda

Quem fez a declaração e verificou que tem imposto a pagar e opta por fazer o pagamento parcelado por débito automático, precisa fazê-lo até esta sexta-feira, dia 29 de março. Após essa data, não haverá opção de parcelamento do imposto por débito automático, apenas por boleto da DARF. E, se você ainda não fez, faça sua declaração o quanto antes. A 1ª parcela vence em 30 de abril. Já quem tem valores a restituir, pode seguir o prazo normal da receita federal, que vai até o dia 30 de abril. Mas, é sempre bom lembrar, não deixe pra última hora.

Falha da Prefeitura, problema para os servidores

A falta de planejamento e organização da Prefeitura faz com que, mais uma vez, quem pague a conta sejam os servidores. As direções do SIFAR e do SISMMAR têm cobrado uma solução da gestão sistematicamente e, nesta sexta-feira (29), haverá uma reunião entre os sindicatos e o governo para discutir os problemas no pagamento.

what you need to know

in your inbox every morning