A CNTE lançou na quinta-feira, 21 de março, a campanha Educação Pública, Eu Apoio!

Sua motivação é levar para a sociedade as importantes pautas vinculadas à educação. Destacamos três, entre vários outros.

Um importante tema é a aprovação do Plano Nacional de Educação, que prevê investimento crescente para alcançar 10% do PIB até 2020.

Outra meta é o cumprimento integral da Lei do Piso do Magistério, que estabelece a hora atividade em 1/3 da jornada.

O terceiro objetivo é destinar recursos dos royalties do petróleo para a educação.

A campanha quer conscientizar a sociedade a cobrar melhores condições de trabalho nas escolas públicas, como melhoria da infraestrutura, universalização das matrículas, formação e valorização dos profissionais, mais participação de toda a comunidade escolar e respeito à diversidade e inclusão.

Apesar de alguns avanços recentes, como a inserção de estudantes nas escolas de ensino básico e também no acesso ao ensino superior, a educação no nosso país tem um longo e difícil caminho para se tornar referência e atingir o padrão de qualidade necessário.

Segundo o presidente da CNTE, Roberto Leão, “essa campanha se faz necessária para que todos os brasileiros e brasileiras entendam a necessidade de defender uma escola pública de qualidade. A escola pública é a grande escola do Brasil.”

Uma das maneiras de participar é entrar no site Educação Pública, eu Apoio (www.educacaoeuapoio.com.br) e assinar a petição, que será enviada para o Congresso Nacional cobrando o respeito às leis, a implantação do PNE e os royalties para a educação.

A campanha terá veiculação na televisão, rádio, web e mídia impressa, incluindo a veiculação de vídeos que simbolizam este movimento crescente de apoio à educação pública de qualidade.

O site www.educacaoeuapoio.com.br concentrará todas as atividades da campanha ao longo do ano. Acesse e saiba mais!