vale-alimentação

vale-alimentaçãoNa manhã desta quinta-feira (12), as direções do SIFAR e do SISMMAR foram até a Câmara Municipal para apresentar as reivindicações dos servidores municipais a respeito do vale-alimentação.

Os sindicatos reforçaram a importância de manter a nomenclatura do benefício como está: auxílio-alimentação e/ou refeição. Isso porque é importante que o servidor continue tendo autonomia em relação ao uso do vale-alimentação e também é fundamental que o benefício continue subsidiando a alimentação de toda a família dos servidores e não apenas de um trabalhador, como propõe a Prefeitura.

A comissão de vereadores que recebeu os sindicatos contou com seis parlamentares, que indicaram que pretendem manter o vale sob a forma de verba indenizatória, o que significa que não poderá haver desconto de nenhum tipo nesse benefício. Entretanto, o SIFAR e o SISMMAR defenderam que as partes do texto do projeto que abre margem para ataques futuros sejam alteradas.

Além disso, as direções dos sindicatos informaram aos vereadores que irão protocolar um pedido de abono, já que o aumento no vale só se dará em dezembro deste ano, impondo perdas aos servidores e mostrando um claro desrespeito da administração com a data-base da categoria.

Os vereadores mostraram abertura para construir emendas atendendo às reivindicações dos servidores, porém não informaram a data que o projeto de lei do vale-alimentação deve seguir para o plenário. Por isso, é necessário que os servidores se mantenham atentos!